Como aprender um novo idioma sozinho em 6 passos

A aquisição de uma nova língua deve ser vista como desafio, não como um teste

Ter tempo livre nem sempre significa que precisamos nos recuperar do trabalho e do esforço físico da semana. Muitos de nós, após passar por uma jornada diária, queremos sair e ter mais atividades quando temos a chance, seja ingressar em atividades esportivas, seja em tarefas que nos proporcionem bem-estar. E, para isso, há inúmeros recursos que possibilitam unir saúde física à mental.

Uma das atividades que traduzem essa junção é o estudo de uma nova língua. Com isso, aproveitamos para fazer um convite: Que tal adquirir uma língua estrangeira sozinho(a)?

Saiba que, com auxílio de sites, aplicativos e força de vontade, é possível falar quantos idiomas você quiser. Pensando nisso, reunimos 6 passos para você mudar a sua rotina.

1.Organize seu tempo

O primeiro passo para começar seus estudos é organizar a sua agenda. Reserve o melhor momento do dia ou da noite: pode ser 10 minutos pela manhã, uma pausa no meio tarde ou 10 minutos antes de ir para cama. O importante é usar esse tempo para realmente aprender.

2. Mantenha o foco

Esteja com disposição para realmente adquirir o idioma e não apenas memorizar as palavras. Manter o foco, esforçando-se para não sair da meta traçada, tornará o aprendizado mais eficiente. Sabemos que a repetição é uma alternativa que não te ajudará a aprender, por ser momentânea. Certamente você irá esquecer das palavras que viu, porque não as contextualizou. Quanto maior for a urgência para entender a língua estrangeira ou se comunicar nela, mais rápido será o aprendizado – pense nisso!

3. Insira seu aprendizado em um contexto

É inegável que pessoas que têm a disponibilidade de viajar ou de morar no exterior desenvolvem um idioma mais rapidamente. Até porque a vida real exige que você saiba se comunicar. Entretanto, sabemos que nem todos podem ter essa experiência de morar em outro país para ser fluente. Para isso, busque um contexto para seu aprendizado e siga seu objetivo de dominar outra língua.

4. Assista várias vezes o mesmo filme e ouça (muita) música

Para impulsionar o seu aprendizado, assista, pelo menos, duas vezes ao filme no idioma em que está estudando. Na primeira vez, assista para reconhecer a história e se ambientar com as falas. Na segunda, já sem as legendas, teste a sua compreensão. Ouça cada palavra e tente traduzir mentalmente, atentando-se para o contexto.

Já é de praxe cantarolar músicas estrangeiras? Saiba que ouvir músicas é outra maneira de otimizar seu aprendizado. Então, siga cantando, buscando entender todo o enredo da canção. Em algumas semanas, seus ouvidos estarão mais treinados, e as coisas que ouvir farão mais sentido para você.

5. Experimente praticar o idioma

Sabemos que não faz muito sentido aprender uma língua e não usá-la, não é mesmo? Um dos segredos na aquisição da nova língua é praticá-la constantemente. Fale com outras pessoas ou escreva – pode ser até para você mesmo! Isso faz com que guarde cada situação na sua mente. Melhor treinar com você mesmo do que nunca falar nada. Por isso, não tenha medo de errar, porque os erros não importam. Você está aprendendo e é preciso praticar. Não desista e os resultados virão!

6. Vivencie o aprendizado

Sempre que puder vivencie o idioma, pois isso ajuda a integrá-lo no seu dia a dia e a compreendê-lo definitivamente. Não hesite em usar as expressões na sua rotina – e não se sinta constrangido(a) ao fazê-lo, afinal você está aberto(a) à tentativa e ao erro, sem se obrigar a dominar tudo imediatamente.

Perguntamos: Quando você escuta uma informação na sua língua, você a limita? Não, certo? Você não deve, então, limitar as informações em um idioma diferente do seu!

Faça uma imersão no universo da língua que está aprendendo. É essencial estudar a cultura concomitantemente às regras da gramática, assim encontrará ainda mais motivação e o processo de aprendizado será muito mais interessante.

Uma última, mas não menos importante, sugestão: Tenha disposição psicológica para adquirir uma nova língua. Quanto mais acreditar em você mesmo, mais foco você terá. Reconheça o seu progresso e vá em frente!

Tags: aprendizado ensino estudar sozinho idiomas língua estrangeira

Veja mais